Vinho de jabuticaba

on 11 de novembro de 2012

Eis aqui minha experiência em apenas suco de jabuticaba fermentada.  Depois eu percebi que precisava adicionar açúcar e o fiz.  Parecia que eu estava voltando às origens, pois não tinha os equipamentos necessários para 'macerar' a jabuticaba, não sabia o que fazer.  A colheita foi árdua e no final eu tive algo em torno de 20kgs de jabuticabas.  Tentei moer e não deu muito certo.  Depois eu tentei amassar com um prato e prensar pra quebrar as cascas e deu parcialmente certo.  Aí depois eu desencanei e deixei do jeito que estava.  Fiz 2 baldes: um sem adição de fermento (usando o fermento natural da casca) e com adição de fermento.  O sem fermento ficou bem mais ácido, mas não tão pior.  Tanto é que depois eu os blendei e engarrafei.  Foi uma boa experiência, mas não sei se repetiria isso...prefiro usar as jabuticabas em cervejas/hidroméis..

vinho de jabuticaba
Applewine

Type: Extract Date: 11-Nov-12
Batch Size (fermenter): 18.93 l Brewer:
Boil Size: 8.71 l Asst Brewer:
Boil Time: 60 min Equipment: Pot ( 3 Gal/11.4 L) - Extract
End of Boil Volume 7.87 l Brewhouse Efficiency: 72.00 %
Final Bottling Volume: 17.98 l Est Mash Efficiency 0.0 %
Fermentation: Ale, Two Stage Taste Rating(out of 50): 30.0
Taste Notes:
Ingredients
Ingredients
Amt Name Type # %/IBU
Beer Profile
Est Original Gravity: 1.000 SG Measured Original Gravity: 1.046 SG
Est Final Gravity: 1.000 SG Measured Final Gravity: 1.010 SG
Estimated Alcohol by Vol: 0.0 % Actual Alcohol by Vol: 4.7 %
Bitterness: 0.0 IBUs Calories: 427.1 kcal/l
Est Color: 0.0 EBC



Carbonation and Storage
Carbonation Type: Bottle

Storage Temperature: temp. ambiente-quartinho
Notes
2 baldes.

o que está 2/3 cheio: nutrientes (fermaid K + DAP) e RC212 (1 Sachê)

apenas macerei as jabuticabas com o fundo de um pote de vidro que estava mais ou menos sanitizado. Jabuticabas também nao estavam tao limpas.


Segundo balde (1/3 cheio) eu apenas macerei as jabuticabas como pude e esperei fermentar.

Temp fermentação: 17C.

24/11: ambos estavam com um 'cap' bem grande e seco em cima do mosto... quebrei quando joguei + açúcar..
- balde com fermento: ultra seco, tanino aparece bastante e atrapalha drinkability. Se tivesse mais alcool e um pouco de dulçor residual seria melhor. Adicionado + 500g de açucar cristal.. e depois fermentado fora da geladeira..
- balde sem fermento: mais com cara de fermentado, mais azedo e com um pouco de azedo residual, tem cara de ser pouco alcoólico. + 200g de açucar cristal.. e depois fermentado fora da geladeira..

15-02-2013: engarrafado. Gerou 7 garrafas. Super tânico e moderadamente azedo. Talvez com envelhecimento perca esse tanino gigante e fique mais palatável. Mas eu não tomaria ele em 2013...esperaria 2014 pra ver... ou talvez abrir uma garrafa no segundo semestre.

0 comentários:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...