Cerveja Preta (Revéillon)

on 18 de dezembro de 2004


18/12/2004
20L

Cerveja Preta (Revéillon)

FERMENTÁVEIS
5kgs Malte Pilsen
~400-500g Malte torrado (agora aqui é difícil saber se foi torrado por mim em forno ou se eu peguei da Cevada ou se eu consegui em algum lugar.  Não me lembro.  Mas se eu fosse chutar diria que eu comprei/peguei já torrado, pois não especifiquei a quantos graus no forno e por quanto tempo)
Mel (~300g no final da fervura)

LÚPULOS
~30-35g amargor: 60 min
~15g a 10 min do final
~15g a 2 min do final 

FERMENTO
Cevada Pura (4º uso)

PROCEDIMENTO
- 50ºC por 30 min
- 67ºC por 30 min
- OG: 1.044

NOTAS:
30/12: engarrafei, dens: 1.016

Weissbier

on 2 de novembro de 2004

Weissbier, 20L

FERMENTÁVEIS
2750g Malte Pilsen
2750g Malte Trigo

LÚPULOS
- lúpulo amargor (~25g): 60min
- lúpulo aromático (~25g): 2min

FERMENTO
- Windsor Ale Yeast

PROCEDIMENTO
- 50ºC por 30 min
- 69ºC (aprox.) por 30min
- Subi para 80ºC
- 1 hora de fervura
- OG: 1.044 (achei que seria mais)

NOTAS
13/11: transferi para secundário, dens: 1.022
27/11: engarrafei com  ~200mL de açúcar cristal: 28 garrafas, dens. 1.020
- Fermento da Cevada Pura é o Saflager S-23 (isso estava no caderno, não me lembro se eles me falaram isso ou se eu vi na fábrica.  De qualquer modo, eles mudaram isso já faz um tempo)

Cerveja ruiva com cravo

on 11 de setembro de 2004

11/09/2004
Cerveja ruiva (ou tentativa)
20L

FERMENTÁVEIS
2,5kgs de malte crú
1,5kgs de malte torrado a 250ºC por 25-30min

LÚPULOS
25g Cluster hops (para fervura): 60 min
25g Tettnanger (lúpulo aromático): 5 min

FERMENTO
Cevada Pura (3ª vez de uso)

OUTROS
Cravo (~20g)

PROCEDIMENTO
44ºC por 20 min
51ºC por 24 min
64ºC por 24 min
- Cravo nos últimos 15 min
- Inoculado a 33ºC
- OG: 1.040-42
- Coei mais vezes que a última leva.  O processo de separação dos grãos ainda é precário!

NOTAS
18/09: densidade: 1.014, passei para 2ário e diminui a temp. para uns 0ºC-2ºC  (dá pra ver aqui que mesmo eu tendo o processo mais precário do mundo, já me preocupava com temperatura controlada.  É provável que essas cervejas todas aqui tenham sido lagers, mais ou menos controladas no termostato da própria geladeira (lembro-me, sei lá porquê,  que no mínimo eu conseguia manter a temp. em 11ºC)
23/10: engarrafei com 200mL de açúcar crista.  Total de 25 garrafas (~8g/garrafa) Densidade 1.020, estranho!!
30/10: provei.  Meio sem gás ainda.  Vamos ver se melhora.  Gosto muito amargo de torrado!!  Faltou um pouco de lúpulo e ficou um pouco aguado.
13/11: provei de novo.  Dessa vez já estava com talvez muito gás (bem igual a refrigerante) e gosto de cravo tava muito forte.  Densidade ainda em 1.020

Cerveja para o churras (pilsen ou blonde)

on 9 de agosto de 2004

09/08/2004
20L
Cerveja para o churras (pilsen ou blonde?)

Infelizmente não tenho mais anotações dessa cerveja, mas é interessante de ver como eu pensava e como não havia fontes de informação naquela época, muito menos onde encontrar insumos.

FERMENTÁVEIS
6,5L de malte

LÚPULOS
não é especificado quais eu usei ou qual a quantidade.

FERMENTO
também não é especificado

PROCEDIMENTO
8:25: dei início esquentando água para enxaguar panelas, potes e utensílios que ficaram de molho na água sanitária na noite anterior.
8:51: comecei a moer
9:02: terminei a 1ª moagem
9:08: comecei a 2ª moagem
9:16: terminei a 2ª moagem.  Ela foi fácil e rápida; e melhorou muito o tamanho dos grãos.
9:42: joguei o malte na água a 30ºC
9:46: desliguei o fogo a 42-43ºC por 20 min
10:11: 51-52ºC por 30 min
10:53: 68-69ºC por 30 min
14:06 levantou fervura
14:51 lúpulo aromático (coloquei)
14:56: desliguei o fogo
- OG: 1.048


Pilsen (ou seria blonde ale?)

on 13 de julho de 2004



13/07/2004
20L de Cerveja Pilsen (detalhe que não fala qual a temperatura de fermentação)
FERMENTÁVEIS
6,5L de malte ~ 4kg de malte
450g açúcar

LÚPULOS
~25mL (copinho de pinga) ~16g - 12 minutos final da fervura
/
FERMENTO
Cevada Pura

PROCEDIMENTO:
- alguns grãos não estão sendo quebrados nenhuma vez.  Próxima vez vou moer 2 vezes
- 50ºC por 30 min
- 70->67ºC por 30 min
- Subi para 77ºC
- Toda a água dessa vez foi com água do filtro.
- Peneirei o bagaço muito mal: tive que colocar umas 3 ou 4 vezes um pouco do bagaço e ir adicionando água.  Tenho que aprimorar isso! E ainda sobrou bastante partículas pequenas que atravessaram a peneira (detalhe: peneira era aquelas de café, com borda de madeira, que eu usava para coar os grãos). Assim eu aproveito melhor o "suco" de malte.
- Antes de ferver passei 1 peneira (não sanitarizada) na superfície do mosto retirando uma espuma densa e escura que são os grãos maiores que passaram pela peneira
- Depois de 1h30 do final da fervura de bacia com água (trocando a água) a temp era de 29ºC.  Inoculei!
- OG: 1.044 a 26ºC (densímetro)

NOTAS
- 19/07: passei para o 2º fermentador.  Não deu tempo de medir a densidade
- 03/08: após 2 semanas de maturação, passei para o barril e garrafas, FG: 1.012 (3 brix)
- 04/08: transferi 9 garrafas com priming (100g) e o resto em barril com 3,5kgf/cm².  Bebi o chopp.  Tava boa, talvez com muito gás.  Pressão de 2,8kgf/cm² da próxima vez. (heheheh, 2,8 kgf/cm² é um ABSURDO)

Primeira leva all-grain: Blonde Ale

on 25 de junho de 2004

Minha primeira leva all-grain....

20L
GRÃOS
3,1kgs de malte (medidos em 5L a partir da relação L/kg)

LÚPULOS
?? (60min) parece que não teve nenhum lúpulo de amargor aqui.
10-15g de lúpulo ? (5min)

FERMENTO
?? (acredito que tenha sido ou nottingham ou o fermento reutilizado da cevada pura)

PROCEDIMENTO
- (46->43)ºC por 20 min
- 50ºC por 20min
- 65-67ºC por 20min
- Jogamos água com o bagaço através da peneira numa outra panela.  Reutilizamos o bagaço e repetimos o processo acima 2 vezes (coamos esse wort já sem o bagaço novamente através da peneira na panela de 27L).  Falto um pouco de água, aí eu adicionei uns 6L de água fria.
- Fervura por 53min.
- Resfriamento sem nada!  Deixei a panela tampada das 23:10 até o outro dia.  11:30 inoculei a 32ºC
- OG: 1.032

NOTAS
- 27-jun-2004: a espuma já diminuiu e notei que a cerveja tem uma cor meio esbranquiçada.  Coloquei o airlock.  Cor marrom-escura (provavelmente porque eu estava vendo através do fermentador inteiro!)
- 01-jul-2004: densidade 1.010-1.011
- 02-jul-2004: densidade: 1.008.  Gosto bem parecida ao das outras 2 cervas que eu fiz.  Ainda com um pouco do gosto de fermento
- 05-jul-2004: engarrafei com 200g de açúcar. FG: 1.008

Amber Ale (primeira leva)

on 6 de abril de 2004

Eis a minha primeira leva.  Estava em mãos de extrato de malte, panela ainda não era dedicada à cervejaria (peguei emprestado de casa) e galão de água como fermentador.  Tudo muito rústico e sem eu ter conhecimento de nada, fora a minha bíblia "The Joy of Homebrewing" do Papazian:

20L
FERMENTÁVEIS:
4lbs Alexander´s Pale Malt Extract
2lbs Muntons Dried Malt Extract (plain amber)

LÚPULOS:
1oz. perle hops (60min)
1oz. cascade hops (5min)

FERMENTO:
1pkg. active dry yeast Nottingham

PROCEDIMENTO:
-Fervura: 60min
-Pitch temp: 30ºC
-Fermentação: temp. ambiente (sem controle)
-OG: 1.035

NOTAS:
-08-abr-2004: coloquei o airlock
-14-abr-2004: FG: 1.010 (gosto ruim no fim, de fermento)
-19-abr-2004: Engarrafei.  Gosto não tão bom.
-23-abr-2004: Gosto até que bom!  (mas muito gosto de lúpulo), pouca espuma.  Vou esperar + uma semana.
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...